POR QUE TANTA HUMILDADE EM JESUS?

Trago para a nossa reflexão e proveito espiritual, nesta mensagem, um fato marcante, impactante, na vida de cada pessoa que descobre o prazer de estudar a vida de Jesus, nascido em Belém. Desde os primeiros registros do anúncio do Seu nascimento, o processo de Sua renúncia da forma divina, Seu estilo de vida terrena, Sua pregação, Sua morte e sepultamento revelam, de forma comovente, a impressionante humildade de Jesus. 

 

Por que Deus escolheu Maria, jovem tão pobre vivendo na vila desprezível de Nazaré, noiva de um carpinteiro, pra fazer dela aquela que haveria de gerar a pessoa humana do Filho Unigênito de Deus? Por* que Jesus, existindo na forma de Deus, decidiu esvaziar-se da divindade, deixar a Sua glória e habitar entre nós? Por que Deus planejou fazer dele um belemita, nascendo na pequena vila da Judéia, quando a expectativa do mundo é que o rei prometido a Israel fosse um hierosolimitano? Por que Ele se sujeitou a uma manjedoura, como berço natal? Por que Ele viveu toda * Sua vida sustentada por doações? Por * que nunca possuiu bem algum e até a Sua sepultura foi doada? Aprouve a Deus que assim fosse! Mas, não sem justificativas especiais:

 

01.    Deus quis nos mostrar, que, assim como na vida de Seu Filho Jesus, a nossa principal razão para vir ao mundo é fazer a vontade de Deus e realizar a Sua obra. Em tudo, na vida, Jesus * viveu de modo a ser o nosso exemplo, se é que queremos a aprovação de Deus. Não custa lembrar que Deus tanto aprovou a vida vivida por Jesus, * que resolveu exaltá-lo soberanamente e lhe deu um nome que é sobre todo o nome, para que ao nome de Jesus se dobre todo o joelho dos que estão no céu, na terra e debaixo da terra. Filipenses 2. 9,10.

 

02.    Deus quis revelar, na vida do Seu Filho Jesus, que, para sermos filhos de Deus, não precisamos de riqueza e luxo. É absolutamente antibíblica a mensagem que temos ouvido, que diz, que se somos filhos de Deus ou filhos do Rei, não podemos aceitar a pobreza ou a enfermidade. Deus procura aqueles que possam ser Seus filhos fiéis, apesar da pobreza ou da enfermidade a que todos estão sujeitos neste mundo. Assim, a mensagem bíblica anuncia que tanto o rico como o pobre pode e deve ser filho fiel de Deus. Na Sua pregação, Jesus procurou deixar essa verdade bem fixada, como na parábola do rico e Lázaro, na qual Lázaro, que é extremamente pobre, é quem foi recebido pelos anjos e conduzido ao reino de Deus, na sua morte. Entre os judeus, tanto a pobreza como a deficiência, ou a enfermidade, era* considerada* uma maldição. Lembro-me de ter ouvido um episódio, em que um pastor, ao pregar a mensagem de salvação em sua igreja, convidava pessoas para irem à frente, como sinal de sua fé em Jesus. Viu, então, que se aproximava um deficiente pobre, amputado das pernas e que se arrastava pelo corredor. Aproximando-se, perguntou ao pastor: Pastor, preciso saber se Deus aceita um homem pela metade, como eu? Ao que o pastor prontamente respondeu: Deus aceita um homem pela metade, que entregue a ele a vida inteira, mas rejeita um homem inteiro, que entregue a sua vida pela metade.

 

03.    Deus quis revelar, em Jesus, que, o que Ele mais valoriza, em nós, é a determinação de fazer a Sua vontade, mesmo que seja numa manjedoura ou no Calvário.

 

04.    Deus quis revelar que cumpre as Suas promessas, custe o que custar e que não há poderes, que possam impedi-lo.

 

05.    Deus quis revelar, na vida de Jesus, as qualidades da população do Céu. Jesus foi assim: tão humilde, por uma questão de obediência. Diz a Bíblia, que Ele foi obediente até a morte e morte de cruz.

 

06.    Jesus quis revelar, que, mesmo vivendo a experiência humana mais difícil, é possível ser obediente e fiel. Jesus foi 100% humano, como nós. Ele chorou, sentiu dores, tristeza, desamparo, fome e sede, cansaço, indiferença, desprezo, ingratidão e tudo isso no mais alto grau, como nenhum ser humano jamais sofreu e, ainda assim, Ele foi fiel até o fim.

 

Na sua humildade, Jesus soube reconhecer a necessidade do socorro do Pai em determinados momentos. É claro que nisto também, Ele nos deixou o melhor exemplo. Os evangelhos anunciam quantas vezes Jesus passou noites em oração. Lá, no Getsêmani, Deus lhe enviou um anjo, que o confortou. Ele, que viveu na totalidade a experiência humana, sabe, que nenhum de nós tem superpoderes, que nos possibilitem dispensar o socorro de Deus. É claro que assim foi, para nos deixar a certeza de que nós, também, podemos receber o mesmo socorro divino, se formos humildes o suficiente para depender de Deus de todo o coração. Jesus foi claro: “...sem mim nada podeis fazer”. João 15. 5.

 

Mais de dois mil anos já se foram desde o nascimento humilde, da vida humilde e da morte humilde de Jesus, entre os homens. São milhões de pessoas, ao redor do mundo, que receberam a Sua mensagem pregada e vivida. O convite de Jesus permanece ecoando, em alto e bom som, por todos os rincões do planeta e Jesus convida, hoje, dizendo: “Vinde a mim todos vós que estais cansados e oprimidos e eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração e encontrareis descanso para as vossas almas”. Mateus 11: 28 e 29.

 

Você, meu prezado leitor, também está sendo convidado por Jesus. Ele conhece você, Ele sabe seu nome, entende o seu problema e quer te fazer feliz, seja você pobre ou rico. O rico não pode ser feliz sem Jesus e a razão é que a felicidade não está no dinheiro nem no que o dinheiro pode oferecer, mas somente em Jesus.


Jesus pergunta: Que adianta ao homem ganhar o mundo inteiro e perder a sua alma?... Mateus 16. 26. O apóstolo João afirma: “O mundo passa e todo o seu prazer, mas aquele que faz a vontade de Deus permanece para sempre”. I João 2. 17.

 

Quero orar por você agora: Eterno Deus, obrigado, pelo exemplo que Jesus veio trazer no Natal! Capacita-me para aprendê-lo e segui-lo, a cada dia, em nome de Jesus, amem! 

FACEBOOK
TWITTER
Please reload

Publicações Recentes
Please reload

Tel.: (21) 2253-2849 / 2223-3288  |  E-mail: contato@ebaronline.com.br

© 2017 Escola Bíblica do Ar - Todos os direitos reservados.​

​Desenvolvido e customizado por MTV Developer - RJ/Brasil