VIGIAS SOBRE O MURO

“Ó Jerusalém coloquei vigias sobre seus muros; eles vigiarão continuamente dia e noite. Não descansem, vocês que oram ao Senhor! Não dêem descanso ao Senhor até que ele complete sua obra.” (Isaías 62:5-6ª)


Escrevo este pequeno texto em um dia difícil. Devo até perguntar: o que vem a ser um dia difícil? Não é complicado compreender que a percepção de dificuldade varia à luz das experiências de cada pessoa. Há aquelas que reagem bem diante de determinada circunstância, a mesma que assusta e traz depressão a outra pessoa. Fato é que, à luz da minha trajetória, para mim, hoje, é um dia complicado.

Não por acaso, porque a vida do crente está sempre nas mãos do Poderoso Senhor, no meu momento a sós com Deus hoje cedo, me deparei com as palavras acima copiadas. São palavras de muito conforto. Deus está avisando ao povo que se chama pelo nome dEle, que Ele próprio colocou vigias sobre os muros e que ali ficarão sem intervalos. Sempre estarão ali, até que Deus complete a obra que se propôs a fazer em nossa vida.

O papel do crente é orar e se colocar diante dEle. Está complicada a sua vida? Tem enfrentado momentos tristes, de perplexidades, incompreensões? Aquiete-se e, pela fé, olhe para o Alto. Tente enxergar muros altos, com vigias atentos que cuidam e observam tudo o que nos acontece. O socorro virá, na hora certa e do modo perfeito. O salmista também se imaginou olhando para cima e, com a convicção do crente, a si mesmo respondeu: “o meu socorro vem do Senhor, que fez o céu e a terra.” (Sl 121:2)

Que seja esta a nossa experiência em todo e qualquer dia difícil.

Publicações Recentes